23 de agosto de 2011

"Precisa-se de clientes"


Esta foto representa todo o nosso comércio tradicional. Cada vez mais asfixiado com esta crise, que extravasa fronteiras e assume dimensões mundiais. Não se vislumbram melhoras e são cada vez mais inquietantes as notícias sobre a nossa situação económico/financeira. Inseridos numa União Europeia cada vez menos unida, nunca o espectro da insolvência pairou tanto sobre a nossa nação. Brota em toda a minha geração a revolta e indignação de ter de pagar o facto de as gerações antecedentes terem andado a viver acima das possibilidades. Logo agora que nos lançamos para o mercado de trabalho e começamos a "desenhar" a nossa própria vida, deparamos-nos com um país de rastos e uma população desmotivada onde as oportunidades para singrar escasseiam de facto! Só nos resta continuar a lutar para alcançar tudo a que nos propusemos atingir. Não defraudemos aqueles que em nós depositam a esperança de um futuro melhor e ousemos construir um futuro próspero para os que nos seguirão...

1 comentário:

  1. A Baixa de Lisboa é uma prova viva disso mesmo. Porém existe uma diferença brutal entre as lojas "da moda" e as lojas mais tradicionais. Lojas como Zara e Breska (nem sei se é assim que se escreve) estão sempre cheias...seja onde for.

    ResponderEliminar